Foragido da Justiça, vereador Christovam solicita licença com salário e quem paga é o cidadão

Coisas que só acontecem em Novo Gama, um vereador fugitivo da justiça que quer que o povo banque a fuga. É brincadeira, hem?

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



O vereador Christovam Machado é acusado de facilitar a fuga de um detento do Centro de Prisão Provisória de Luziânia e está foragido desde o último mês.

Na última semana ele entrou com o pedido de licença remunerada na Câmara de Vereadores de Novo Gama. O vereador continua foragido após ser acusado de facilitar a fuga de detentos do CPP de Luziânia.

Equipes de reportagem procuraram a Câmara antes da solicitação de licença, para saber quais seriam as medidas tomadas pelo presidente da Câmara e demais vereadores sobre o caso Christovam.
Na ocasião, o presidente da Câmara disse que a comissão de ética e demais vereadores avaliariam a denúncia e só então decidiriam pelo afastamento ou não do vereador acusado, mas até agora nenhuma medida foi tomada.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Quanto à solicitação de licença remunerada, os vereadores votaram no final da última semana e o pedido foi negado. 10 vereadores votaram contra o pedido de Christovam e dois vereadores conhecidos como Pastor Cícero e vereador Pelé votaram a favor da causa.

A população mais do que nunca precisa estar atenta aos representantes que elegem. Pois com este caso fica claro que alguns destes representantes não trabalham pelo povo e nem levam em consideração o bem comum. Vereadores que apóiam vereador foragido deveriam ser igualmente investigados.

“É uma vergonha ter que ler sobre um absurdo desse. Enquanto nós moradores trabalhamos de sol a sol com honestidade pra conseguir um salário, esse vereador que nunca fez nada pelo povo, muito pelo contrário, ajudou bandido, quer pedir licença e receber as custas da população”, disse a moradora Maria do Rosário.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!
Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios
Fale com a gente