Agente penitenciário é preso acusado de estupro de Vulnerável em Novo Gama

Delegado responsável: Pedro Trajano, Titular da DP e DEAM de Novo Gama-GO

A Polícia Civil do estado de Goiás, após meses de investigação, logrou êxito em solucionar um crime de estupro cuja vítima é do sexo feminino e menor de idade! O indiciado, que trabalha na segurança pública no cargo de Vigilante Penitenciário Temporário, irá responder pelo crime de estupro qualificado, denunciação caluniosa qualificada e satisfação da lascívia mediante presença de criança ou adolescente (artigos 213  §1°, 339 § 1° e 218-A do CP). Pois além de ter estuprado a vítima, o suspeito teria feito sexo na frente da própria filha e ainda denunciado anonimamente outra pessoa.
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Os dados do preso e da vítima estão em sigilo para preservação da menor.

O preso após os procedimentos de praxe foi entregue a Corregedoria da Polícia Penal de Goiás para ser recolhido em cela especial para preservação de sua integridade física dentro do presídio.

Após o cumprimento do mandado de prisão preventiva autuação, o suspeito ficará à disposição da Justiça local.

Tags

Paulo Tavares

Paulo Tavares Jornalista redator responsável pelo portal DF em FOCO. Reg, 0010479/DF Meu compromisso é com a verdade. Doa a quem doer...

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!
Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios
Advertisment ad adsense adlogger