Homem mata ex-namorada e comete suicídio, na região central em Goiás

Hélio não aceitava fim do relacionamento, que completara três meses; ele atirou contra a cabeça de Maria e depois cometeu suicídio


Gravemente ferida, a mulher chegou a ser levada o Hospital Municipal de Barro Alto, mas não resistiu e morreu (Foto: Reprodução)
Gravemente ferida, a mulher chegou a ser levada o Hospital Municipal de Barro Alto, mas não resistiu e morreu (Foto: Reprodução)

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Um mulher de 37 anos foi morta a tiro, na madrugada deste domingo (10), pelo ex-companheiro que não aceitava o término do casal. Maria Vieira dos Santos foi assassinada na porta de um bar, localizado no povoado de Placa, município de Santa Rita do Novo Destino, região Central de Goiás. Depois de cometer o crime, o autor do disparo, Hélio Antônio de Bessa, cometeu suicídio ao atirar contra a própria cabeça.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



homem havia terminado com a ex-esposa para ficar com Maria, com quem estava junto há cerca de três meses. Segundo informações da Polícia Civil (PC), no sábado (9), o casal havia discutido e decidido romper o relacionamento. Mais tarde, o ex-namorado ficou sabendo que Maria estava no bar com amigos e familiares e foi tirar satisfação.

Hélio, então, a arrastou para fora, sacou um revólver calibre .38 e atirou contra a cabeça da mulher. Em seguida, cometeu suicídio. Maria chegou a ser socorrida, mas não resistiu e morreu. Hélio morreu no local. Equipes do Instituto Médico Legal (IML) recolheram os corpos.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Um inquérito policial foi instaurado para apurar se Hélio realmente agiu sozinho. O crime será investigado pela Delegacia da PC de Goianésia. Caso fique comprovado que Hélio foi o único responsável pela morte de Maria, o inquérito será remetido ao Poder Judiciário com pedido de arquivamento, já que o autor do crime também morreu.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!
Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios
Fale com a gente