Rollemberg e outros políticos do DF são denunciados pelo Ministério Público denúncia

0
74

O Ministério Público Federal pretende cobrar a devolução de mais de R$ 50 milhões pelo uso indevido ou injustificado da cota de passagens aéreas da Câmara entre 2007 e 2009. A relação aponta mais de 500 políticos. A informação foi publicada pelo site “Congresso em Foco”. 

Desses, menos de 200 exercem atualmente mandato no Congresso, seja como deputado ou senador, segundo informa o site.

Dos representantes da bancada do Distrito Federal estão o hoje governador Rodrigo Rollemberg, além do deputado federal Laerte Bessa (PR). Tadeu Filippelli, Jofran Frejat, Geraldo Magela, Osório Adriano, Zé Edmar e Robson Rodovalho também estão na lista do MP.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA