OVNIs no DF em 1986: até hoje a Força Aérea não tem uma resposta

0
58
OVNIs no DF em 1986: até hoje a Força Aérea não tem uma resposta

No dia 19 de maio de 1986, 21 OVNIs foram detectados pelos radares do Centro Integrado de Defesa Aérea (CINDACTA I), que fica no Lago Sul.

No dia 19 de maio de 1986, 21 OVNIs (Objetos Voadores Não Identificados) foram detectados pelos radares do Centro Integrado de Defesa Aérea (CINDACTA I), que fica no Lago Sul. Os objetos estavam sobrevoando as regiões Centro-Oeste, Sul e Sudeste.

Alto Comando da Força Aérea, considerando a possibilidade de uma invasão ao território brasileiro, uma vez que os OVNIs se aproximavam de três cidades estratégicas em nosso país (Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro), deflagrou operações de interceptação com caças F5 e Mirage III. Além dos aviões militares, pilotos de cerca de 50 aeronaves, além de dezenas de pessoas no solo, viram as luzes coloridas que emanavam dos estranhos veículos.

No dia seguinte, o ministro da Aeronáutica, junto aos pilotos do caças, deram uma entrevista coletiva à imprensa confirmando o acontecimento. De acordo com os militares, os OVNIs apresentavam características singulares: variação de altitudes inferiores a 5 mil pés (cerca de 1.500 metros) até 40 mil pés (acima de 12 mil metros), emissão de luminosidade nas cores branca, vermelha e verde, capacidade de acelerar e desacelerar de modo brusco e velocidades que chegavam a 15 mil km/h (os jatos mais rápidos do mundo atingem, em média, 4 mil km/h).

Trechos do documento oficial emitido pela Força Aérea Brasileira em 1986:

– Os objetos produziram ecos nos radares dos sistemas de defesa e também nos jatos que perseguiram os OVNIs;

– Houve contato visual dos pilotos;

– Os fenômenos são sólidos e refletem inteligência pela capacidade de acompanhar e manter distância dos observadores, como também voar em formação.

Em 2015, o Arquivo Nacional disponibilizou, obedecendo à Lei de Acesso à Informação, os áudios das conversas entre pilotos e controladores aéreos naquele dia. Está tudo na internet, atualmente.

Foi uma das poucas vezes, na História, em que um governo se pronunciou oficialmente sobre um ocorrido dessa natureza, inclusive reconhecendo não saber do que se tratava. Por sua relevância para a ufologia mundial, o fenômeno foi denominado, internacionalmente, de “A noite oficial dos OVNIs”.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA