HOMEM DE 31 ANOS TEM ATAQUE CARDÍACO E MORRE DURANTE TESTE FÍSICO DA PMDF

0
124

Leonardo da Silva Oliveira faleceu devido a um ataque cardíaco durante o Teste de Aptidão Física (TAF) da Policial Militar. O homem de 31 anos passou na prova escrita e realizava a prova física na tarde da última quarta-feira (19/9), quando passou mal e foi atendido já no local. Segundo familiares, Leonardo foi levado para o Hospital Santa Marta, em Taguatinga, mas não resistiu.

Seu primo, Paulo Alves Sa, disse que o jovem nunca havia reclamado de nenhum tipo de problema de saúde: “Nunca, nunca mesmo. Ele fazia academia, pulava de paraquedas, jogava bola, tinha uma saúde de touro”. Paulo também contou ao Correio que Leonardo estava muito feliz por ter chegado ao TAF, porque ser policial militar era seu sonho de infância.

Em contato com a PM, a corporação informou que enviará uma nota oficial sobre o caso posteriormente, e que quem responde pela aplicação do exame é a Banca Examinadora do Instituto Americano de Desenvolvimento (IADES). O instituto informou que ainda não tem uma posição sobre o caso.

Durante o teste, muitos familiares acompanham os candidatos para dar força. Raimunda Nonata, de 50 anos, acompanhava seu filho, que realizava o TAF junto a Leonardo, e viu tudo acontecer. “Ele estava fazendo a corrida e já era a última volta, quando começou a ir caindo. De repente ele caiu no chão e a mãe dele começou a gritar. Então o socorrista chegou, levaram para perto da ambulância e fizeram massagem cardíaca durante uns 15 minutos”.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA