Policia prende três integrantes de facção criminosa no DF e Entorno

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Um homem ligado à organização criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) foi preso na noite dessa quinta-feira (13/2) na Cidade Estrutural. Por volta das 21h, policiais militares abordaram o suspeito e, ao verificar a identidade dele, constataram que ele fazia parte do grupo que comanda rebeliões em presídios, assaltos, sequestros e assassinatos em diferentes regiões do Brasil. O homem foi o segundo suspeito de ligações com a faccção preso no dia.

De acordo com as informações divulgadas pela polícia militar, integrantes do Grupo Tático Operacional (Gtop) viram quando o homem corria para dentro de um prédio na Quadra 2 da cidade. Os militares o seguiram e, durante a abordagem, viram que ele estava com uma porção de maconha.

Os policiais fizeram uma vistoria no local em que o homem estava e encontraram um revólver calibre 38, munições, porções de cocaína, uma balança de precisão e R$ 360.

O homem foi considerado perigoso, por ser identificado como membro do PCC. Ele foi encaminhado para a 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul), e vai responder por tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e de munições.

Outra prisão

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Horas antes da abordagem dos militares, a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) prendeu um outro integrante ligado ao PCC,que atuava no Distrito Federal. Reinaldo da Silva Xavier, 29 anos, era conhecido na facção criminosa como Zé do Caixão e estava foragido desde 2018.

Policiais o encontraram em uma distribuidora de bebidas, no Setor Arniqueira, após um trabalho de monitoramento. Havia dois mandados de prisão contra o suspeito. Ele foi levado para a carceragem da PCDF. Se for condenado, a pena de Reinaldo pode chegar a 100 anos.

Integrante de facção criminosa é preso aqui no Entorno

A Seção de Investigação Criminal (SIC) de Novo Gama recebeu nesta sexta-feira (20) informações dos policiais civis de Redenção (PA), dando conta que M. O. R., integrante da facção criminosa Comando Vermelho, estaria escondido em um bairro do município. Diante das informações, os policiais realizaram diligências, conseguiram localizar o suspeito e efetuar sua prisão.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



O criminoso é procurado por diversos crimes no estado do Pará. É investigado por três homicídios naquele Estado, além de ser apontado como autor de um roubo de joias de elevado valor. Ele também responde a processos por crimes como associação criminosa, apologia e incitação, posse e porte de arma de fogo. M. O. R. foi recolhido à cadeia pública municipal de Novo Gama e deverá ser recambiado para o Pará.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Content is protected !!
Fechar

Adblock Detectado

Considere nos apoiar desabilitando o bloqueador de anúncios
Fale com o DF em FOCO
Advertisment ad adsense adlogger