Vítima de feminicídio em Planaltina é enterrada

0
264
Vítima de feminicídio em Planaltina é enterrada
Reprodução/Facebook

A advogada Jusselia Martins de Godoy, 50 anos, morreu nessa segunda-feira (9), cinco dias após ser vítima de feminicídio. Ela estava internada no Hospital de Base desde a última quinta-feira (5), data em que foi baleada pelo ex-marido, Evandro Alves de Faria, em Planaltina. O enterro acontece nesta quarta-feira (12), no Cemitério de Planaltina.

O criminoso entrou no escritório onde a vítima trabalhava, no Jardim Roriz, e efetuou três disparos contra ela. Em seguida, atirou contra a própria cabeça. O agressor foi encaminhado ao Hospital de Base em estado grave, mas não resistiu aos ferimentos.

De acordo com investigações, o crime teria sido motivado por ciúmes. Recentemente, a vítima havia conseguido na Justiça uma medida protetiva contra o ex-marido, que proibia a aproximação dele.

A ocorrência foi registrada na 31ª Delegacia de Polícia como feminicídio seguido de suicídio.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA