ASA SUL – PCDF descarta tentativa de estupro em crime da 408 Sul

0
223
PCDF descarta tentativa de estupro em crime da 408 Sul
Breno Esaki/Jornal de Brasília

Caso é tratado como tentativa de latrocínio

A Polícia Civil do Distrito Federal descartou a possibilidade de a mulher de 54 anos ter sido vítima de tentativa de estupro na bloco A/B, na 408 Sul. O crime ocorreu por volta das 22h40 desta segunda-feira (9). O caso é tratado como tentativa de latrocínio.

Em princípio, foi divulgado que Ieda Rizzo havia sofrido uma tentativa de estupro, porque ela teria comentado sobre o crime durante o socorro realizado pelo Samu. Na ambulância, a caminho do Hospital de Base do Distrito Federal (HBDF), a mulher disse que havia sido abordada por dois criminosos. No entanto, algumas testemunhas viram apenas um homem. Ieda tem estado de saúde estável.  Após cirurgia, ela segue internada na ala vermelha do HBDF, onde já conversa.

LEIA MAIS – ASA SUL -Mulher é baleada no peito, ao reagir a tentativa de estupro

Câmeras de segurança do bloco A registraram o momento em que um homem vestido de roupa preta e boné passa em direção à vítima e volta correndo, no mesmo caminho. Vigilantes também viram o homem correndo em direção à 407. O suposto segundo criminoso não foi registrado pelas câmeras de segurança.

Segundo os socorristas, o tiro atingiu o esterno e perfurou o pulmão, mas não atingiu o coração de Ieda. Ela passou por uma cirurgia para colocar um dreno no pulmão. A mulher esteve consciente durante todo o atendimento e segue fora de perigo. O caso é investigado pela 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul). O carro dela foi periciado e levado pelos policiais.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA