Escrivã da Polícia Civil morre ao passar de moto por bueiro, cair e ser atropelada

0
201
Foto: Polícia Civil/Reprodução

Uma escrivã da Polícia Civil morreu na tarde dessa terça-feira (21), em Goiânia, depois de perder o controle da moto em que pilotava ao passar por um bueiro, cair e ser atropelada. Jakeline Assunção da Silva tinha 27 anos e era acompanhada pelo marido, que estava na garupa. O homem não ficou ferido.

De acordo com testemunhas, a vítima perdeu o equilíbrio quando passou por um bueiro, que é desnivelado em relação ao asfalto. Naquele momento, o casal voltava do trabalho. Após a queda, Jakeline foi atropelada por um outro motociclista, que afirmou não ter conseguido evitar o acidente. As informações são do G1.

Conforme a publicação, a delegada responsável pelo caso, Nilda Andrade, quer saber porque a falha no asfalto não foi consertada antes. Segundo ela, o bueiro tem desnível de 6 cm, e o poder público foi negligente em não dar a devida manutenção. Após o acidente do bueiro foi sinalizado. A Polícia Civil investiga o caso.

Reprodução/TV Anhanguera
Reprodução/TV Anhanguera

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA